Lutador de K-1 salva vidas quebrando a janela de carro prestes a...

Lutador de K-1 salva vidas quebrando a janela de carro prestes a se incendiar com apenas uma cotovelada

COMPARTILHAR

Por volta de meio-dia e cinco minutos do dia 12 de julho último, um caminhão que estava sendo dirigido por Takahiro Kojou , 51 anos, se chocou de frente com um automóvel dirigido por um mecânico de carros, Hiroki Kishimoto, de 25 anos.
O acidente aconteceu numa estrada estadual (Ken-dou) no Município de Naruto, na província de Tokushima-ken, em Shikoku. Com a batida, iniciou-se um incêndio.
Por puro acaso, um lutador de K-1 profissional, Kousuke Komiyama, passou de carro pelo local de acidente. Ao ver o acidente e as vítimas ainda dentro do carro, ele primeiro salvou o mecânico, tirando-o do carro e arrastando-o para um lugar seguro.
Logo em seguida, ao ver o motorista docaminhão gravemente ferido, sem conseguir sair do veículo, cuja porta estava travada, o lutador de K-1 não teve dúvidas: Ele tomou distância e deu um golpe com o seu cotovelo no vidro da janela do caminhão, conseguindo quebrá-lo com apenas uma cotovelada.
Komiyama tirou o motorista do caminhão pela janela, e também o seu colega que estava no banco do co-piloto. Cinco minutos depois, os dois carros estavam completamente envoltos em chamas.
O lutador teve que levar 10 pontos no seu cotovelo, mas estava feliz por conseguir salvar uma vida através da técnica adquirida como lutador profissional de artes marciais. Ele revelou depois do salvamento, que fazia karatê desde pequeno: “Estou feliz por ter podido provar que a nossa arte não serve só para lutar, mas também para salvar vidas”, disse.
Komiyama recebeu um agradecimento oficial da Polícia de Tokushima.
Uma emissora de TV japonesa, ao fazer reportagem sobre o caso, perguntou a um fabricante de janelas de carros se os vidros de automóveis quebravam com uma simples cotovelada. O representante da empresa respondeu que os vidros são feitos para serem bem resistentes e só quebram depois de vários golpes de ferramentas pontiagudas de ferro, por exemplo.